O livro da vida


Paula Sabbag

Adoro imaginar que nossa vida é como um livro. Costumamos ouvir pessoas dizendo "minha vida é um livro aberto". Bem, aberto ou nem tanto assim, o livro da nossa vida está aí com páginas e mais páginas de histórias e memórias. Com capítulos já escritos e outros que ainda estão sendo produzidos.


Me parece que alguns desses capítulos já estavam escritos antes mesmo de o livro ser publicado porque há situações que acontecem conosco que aparentemente não são consequências advindas de nenhuma ação nossa ou não possuem nenhuma relação com o nosso histórico de vida. E muitas vezes temos pouco ou absolutamente nenhum controle sobre elas. Sendo assim, não temos o poder de escrever ou reescrever essas páginas.


Outros capítulos possuem páginas encantadoras que falam de inúmeros assuntos pessoas e sentimentos que certamente nos surpreenderíamos ao reler e relembrar o que passamos e que já esquecemos. Momentos inesquecíveis e alguns "esquecíveis" e que nossa memória falha não nos permite recordar por muito tempo.