Onde tem o medo, tem também coragem, por Pedro Borges.


Música e espiritualidade


Como podemos ter coragem sem ter medo? Acho difícil falar de um sem falar do outro...


O medo se manifesta em nós de diversas formas variando de pessoa para pessoa, o que nos difere é como lidamos com ele. Ele pode simplesmente nos paralisar, mas pode também servir de estímulo para que possamos dar um passo maior em nossas vidas, quando o enfrentamos e percebemos que ele não era do tamanho que imaginávamos.


Ao longo de nossas vidas teremos inúmeras situações em que seremos postos de frente com o medo, desde criança até a fase adulta ele vai estar presente e teremos que lidar com ele de alguma forma.


O que nem todo mundo sabe é que esse sentimento pode estar ligado a alguma disfunção no seu rim. Na medicina chinesa uma pessoa que está paralisada pelo medo terá seu tratamento iniciado pelos rins, pois segundo a própria, as emoções do rim em bom funcionamento são atitude e coragem, enquanto se estiver em mal funcionamento vem o medo.