top of page

VIDA SAUDÁVEL




Desde que estava no ensino fundamental me recordo de ficar muito feliz quando era dia de educação física, e ainda percebo ser assim com o meu caçula. Parece-me que quando criança compreendemos que mexer o corpo, pular na quadra, jogar futebol, vôlei, nadar e correr no parque é apenas diversão, sem compromisso.


Nós só aprendemos a importância dos exercícios físicos quando já estamos caminhando para a vida adulta, “nem todos, eu sei”. Fala sério né, é muito melhor e mais prazeroso quando não somos obrigados, “não somos obrigados, também sei”.


A leveza com que uma criança realiza suas atividades físicas pode ter diversas explicações, a que eu mais gosto é: eles não pagam boletos.



 

Ouça a música PRODUTO DE UM BRASIL MULATO, de Gisa Nogueira. Repertório Cedro Rosa, disponível para trilhas sonoras, nas plataformas de streaming.

 

Vamos falar a verdade aqui. Você já conseguiu conciliar toda sua rotina, com exercícios físicos, com filhos, marido, esposa, casa, estudos, animais de estimação e trabalho? Fiz um breve resumo, porque se eu fosse listar, o artigo seria só sobre as inúmeras tarefas, além dos contra tempos, as pausas para uma gripe, a pausa de uma pandemia e por aí vai.


Voltando a vida saudável, penso que cometi por vezes abusos, com aquele pretexto que só se vive uma vez, sabe? E é claro que cada um sabe o que é melhor para seu corpo para sua saúde e para sua mente, mas parei para ler um pouco sobre a onda de influenciadores que compartilham conteúdos sobre essa busca individual, que ainda está baseado no corpo perfeito, a meu ver, e cheguei à conclusão de sempre, produção, serviços, bens e consumo. Assunto que já comentei em um dos meus artigos aqui, pois bem eu adoro o google e vocês já sabem, antes de escolher o tema, fui lá e inseri o algoritmo para saber se algum outro ponto focal escapara da minha percepção e a resposta é: NÃO em letras garrafais.


Também não pude deixar de observar neste período de isolamento o quanto as pessoas se mobilizaram na busca pela caminhada, posso até me arriscar de dar um nome para a onda. “Caminhada da sobrevivência”, você está lendo e pensando não, eu não caminhei. Eu aqui escrevendo e pensando... Não acredito! Não fez download de aplicativo de passos? Não usou o google fit? Não comprou um plano de exercícios em casa? Não foi para academia quando liberou? Ah! Não, então vamos lá, sempre há tempo. Percebe que é melhor cuidar do corpo e da mente antes deles adoecerem. Ainda há tempo!


A vida saudável que me refiro aqui é sem grandes indicações de shakes, produtos milagrosos ou pílulas, até porque acredito que se forem usados sem acompanhamento específico causam muito mais malefícios.


A vida saudável está ligada sim, ao fato de uma alimentação bacana, um exercício e muita ingestão de água, mas para você o que mais te remete a vida saudável? Algumas pessoas nos inspiram, mas não necessariamente eu quero ter um corpo como a outra pessoa, nem consumir o que a outra pessoa consome, esta opinião é individual e intrasferível!



 

Eletro-Pop-Forró-Funk tudo misturado. Escute a playlist! Spotify.

 

Refiro-me aqui a uma vida em equilíbrio, em plenitude e encontro também de quem tu és. De quem desejas ser, chamar a sua atenção sobre a importância de não cometer abusos dos quais poderá se arrepender, exatamente com aquele argumento de que só se vive uma vez!


Que tal levantar do sofá e caminhar? Só sugestão.


Você também pode ingerir mais água, pode fazer uma vez por semana no mínimo uma alimentação sem carne (o bolso agradece). Pode se quiser ter uma vida um pouco mais saudável. Só sugestão!


Este texto não tem pretensão de analisar a relação entre vida saudável e consumo, porque sei ser tarefa árdua, também não há expectativa de uma resposta que possa ser considerada conclusiva, mas reflexiva. Talvez tenha uma linha tênue que separa ambos, delineada pela consciência, porém para tanto é necessário a revisão do comportamento individual, conscientização coletiva e processo contínuo de educação. (Sempre educação) tais práticas que podemos encontram respaldo na medicina e que nos permitem profunda reflexão de corpo e mente.


Cuidem-se!


Luana Oliveira para Criativos!


 

Tem mais!



Siga a Cedro Rosa no TikTok!


Ensaio sobre post do genial Marcelo Adnet com música Ai, Ai, Ai, Como estou Endividado, cantada por Mart'nália, no CD 40 Anos do Clube do Samba.



MPB Esporte Fino



 

Mix Musical com 25 Horas de Duração

Chiquinho Neto - Leve esse lindo disco digital pra casa por apenas R$ 12,00. Compre Aqui.


Maravilhoso disco instrumental do pianista do Country Club, Chiquinho Neto.



Plataforma mundial de Música, em 10 idiomas, criada no Brasil.



Músicos, compositores, bandas, mídia, produtores de cinema, streaming, TV, publicidade e games em um único ambiente digital, para negócios de licenciamento.



Abra um perfil agora


Cedro Rosa cria plataforma digital que permite registro, distribuição e licenciamento de músicas no mundo inteiro. Todo mundo pode escutar músicas e podcasts de graça.

Tudo online!



A Cedro Rosa , produtora e distribuidora de conteúdos, com sedes no Rio de Janeiro, New York e Tokyo criou uma plataforma digital de administração e distribuição de músicas no mundo inteiro.


Para ter acesso, como artista, empresa ou simplesmente amante de música, basta abrir um perfil, apenas com nome e e-mail.


A plataforma digital funciona em 10 idiomas e conta com mais de 3 000 mil certificadas, prontas para serem licenciadas para sincronizações diversas em filmes, novelas, audiovisuais, games e publicidades.


Acompanhe nossas redes digitais. https://linktr.ee/cedrorosa


Compositores, bandas e artistas podem registrar suas musicas e fazer contratos de distribuição e licenciamento e empresas da midia como TVs, Radios, produtoras de cinema e conteudo em geral podem licenciar essas obras devidamente certificadas diretamente na plataforma.



Comentários


+ Confira também

destaques

Essa Semana

bottom of page