top of page

Os artistas plásticos Edmilson Nunes e Marcos Cardoso em Live da revista Criativos



A revista Criativos! recebe os artistas plásticos Edmilson Nunes e Marcos Cardoso, dois dos mais talentosos artistas da atualidade.


Eles vão falaram sobre estética, política e cultura.


Estreia nesta terça-feira, dia 16 de agosto, 9 da noite.


Como assistir?






 

EDMILSON NUNES


Campos de Goytacazes, Rio de Janeiro, 1964

Vive e trabalha em Maricá, RJ


FORMAÇÃO

1989 - Formado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal do

Rio de Janeiro, RJ.

1991 - Curso de Pintura na EBA, Escola de Belas Artes da UFRJ e da Escola de

Artes Visuais do Parque Lage, EAV do Parque Lage, RJ.

1991 - Curso de aprofundamento no Núcleo de Pintura na Escola de Artes

Visuais do Parque Lage, RJ.


OUTRAS ATIVIDADES

1987/ 1997 - Pinturas e esculturas para carnaval, RJ.

1987/ 1997 - Cenário para televisão, teatro, cinema e publicidade, RJ.

1987/ 1997 - Execução de projetos de decoração para shopping centers (natal, páscoa e etc)

1987/ 1997 - Criação e execução de vitrines temáticas para lojas de diversos ramos comerciais, RJ.

1997/1998 - Criação, execução e coordenação técnica para a realização de cenários históricos temáticos para o Museu do Exército, Forte de

Copacabana, RJ.

2002 - Brasil Tempo de Gentileza, cenário para o projeto da fundação Joãozinho Trinta, baseado na obra do projeto Gentileza, RJ e itinerância por

18 Estados brasileiros.

2002 - Ensaio fotográfico Pomba Gira, especialmente para as revistas Vogue e Vizoo com o ensaio fotográfico de Ernesto Baldan, RJ.

2003-2011 - Coordenou a oficina de pintura do Museu do Ingá, Niterói, RJ.

2004-2014 - faz a direção de arte da Escola de Samba Mirim Pimpolhos da Grande Rio, Rio de janeiro, RJ.

2008 - Curadoria da exposição Sabor da Paixão, Museu do Ingá, Niterói, RJ.

2014 - 2019 -. Ministrou na Escola de Artes Visuais do Parque Lage o curso Arte Processos e afetos, Rio de Janeiro, RJ.

2017 - Curadoria da exposição Quem semeia vento colhe lindas tarde de amor, Galeria de Arte da Universidade Federal Fluminense, Arte UFF,

RJ.

2019 - Fundou e dirige o Titocar Espaço Poético, Maricá, RJ.


INDIVIDUAIS

1993/2003/2007/2009/2011 - Galeria Anna Maria Niemeyer , RJ.

2007 - Céu - Paço Imperial, RJ.

2015 -. Assim é se assim lhe parece, Centro Cultural da Justiça Federal, Rio de janeiro, RJ, curadoria Isabel Sanson Portela.


PRINCIPAIS COLETIVAS

1991 - XV Salão Carioca de Artes, Prêmio Bolsa de Estudos, EAV Parque Lage, RJ.

1992 -A Caminho de Niterói , Coleção Sattamini - Paço Imperial, RJ.

1994 - Salão Nacional de Artes Plásticas, RJ.

1994 – 4 Bienal Nacional de Pintura de Cuenca, Cuenca, Equador, ECU.

1995 - Romance Figurado, MNBA - Museu Nacional de Belas Artes, RJ.

1996 - Coleção Sattamini/ Exposição inaugural do Museu de Arte Contemporânea, MAC – Museu de Arte Contemporânea, RJ.

1997 - Cidade Oculta - Paço Imperial, RJ.

1998 -. Quatro Quadros, Galeria Cândido Mendes, Rio de Janeiro, RJ.


2004 - Novas Aquisições: Coleção Gilberto Chateaubriand, MAM - Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro, RJ.

2005 -. Orlândia, curadoria Ricardo Ventura, Rio de Janeiro, RJ.

2005 -. Territoire em trânsit, Centro Internacional de Arte contemporânea de Carros, França.

2008 - Romances, sonhos e figurações, curadoria Cláudia Saldanha. Museu de Arte Contemporânea, Niterói, RJ.

2009 - 7a Bienal do Mercosul, Projeto Rádio Visual, Porto Alegre, POA.

2010 - Liberdade é pouco. O que desejo ainda não tem nome, curadoria Bernardo Mosqueira, Rio de Janeiro, RJ.

2010 - Novas Aquisições: Coleção Sattamini, Museu de Arte Contemporânea, Rio de Janeiro, RJ.

2011 - Onde dormem as obras, MAC - Museu de Arte Contemporânea, RJ.

2015 -. Tribienal, Cidade da Artes, curadoria Alexandre Murucci, Rio de Janeiro, RJ.

2018 - Bolo Performance, homenagem a Aibere, Escola de Artes Visuais do Parque Lage – EAV do Parque Lage, RJ.

2018 - Festival de Esculturas do Rio de Janeiro, Museu Nacional de Belas Artes, RJ.

2018 -. Pintura Tipo Brasileira, Casa França-Brasil, curadoria Renata Gesomino, RJ.

2019 - Metrópolis Transcultural, Galpão Bela Maré, curadoria Ronald Duarte, RJ.


COLEÇÕES

Gilberto Chateaubriand, Rio de Janeiro, RJ.


João Sattamini – Museu de Arte Contemporânea, Rio de Janeiro,

RJ.


Galeria Anna Maria Niemeyer , Rio de Janeiro, RJ.

Galeria Murilo Castro - Belo Horizinte, MG.


Coleção Milu Vilela – São Paulo, SP.

MAR - Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, RJ.



Marcos Cardoso

Atividades

Em 1986 começou a trabalhar nos barracoes das Escolas de Samba desenvolvi pintura, escultura com Max lopes, Rosa Magalhaes , Joãzinho Trinta entre outros. Por 10 anos foi carnavalesco da Escola de Samba Pimpolhos da Grande Rio Desenvolvi cenario, figurino e adereco para teatro, cinema, televisâo e museu .

Desenvolvi a parte visual do primeiro Rio Faishon no MAN-Rio.

Desenvolvi moda para Blue Man.

Participou do projeto Gentileza gera Gentileza – projeto Joaozino Trinta fiz o cenario para o conjuto Rappa.

Foi professor na Universidade do Estado do Rio de Janeiro.


Premios

1986 – Salao Cândido Portinari – Mencao Honrosa

1990 - La jovem Estampa – Prêmio 1990 Casa das Americas – La Havana – Cuba 1991 – Bienal Internacional de Gravura da Espanha – 2 premio

1991 – 10 Salao de Arte Contemporanea do Para – Pro-labore

1991 – Recebo passagem (Rio-Madri-Rio) da Universidade Federal do Rio de Janeiro 1992 – Melhor exposicao do ano Galeria do IBEU – Passagem Rio – New York – Rio 2002 – Melhor exposicao do Ano Galeria do IBEU – Passagem Rio – Paris – Rio


Individuais

1992 – Galeria do IBEU – Rio (curadoria Marcio Doctors)

1996 – Museu Nacional de Belas Artes Rio de Janeiro – Sala Carlos Oswald (curadoria Janda Praia)

2000 -Tramas Galeria Anna Maria Niemeyer – Rio de Janeiro

2002 – Festa para os Olhos Galeria do IBEU – Rio de Janeiro (curadoria Esther Emilio Carlos)

2004 – Industria Brasileira Galeria Anna Maria Niemeyer – Rio de Janeiro 2006 – Vestiu um parangole’ e saiu por ai Galeria Murilo Castro – Belo Horizonte Minas gerais ( curadoria Marcus Lontra)

2007 – Traducao Galeria Anna Maria Niemeyer – Rio de Janeiro

2009 – Maos Galeria Inox – Rio de Janeiro

2011 – Marcos Cardoso Galeria Luciana Caravello – Rio de Janeiro

2013 – Arquitetura de Vidro Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (curadoria Luiz Camillo Osorio)

2016 – Nova Paissagens SESC Barra Mansa – Rio de Janeiro (curadoria Isabel Portela) 2020 - Marcos Cardoso Galeria Arteformatto – Sao Paulo


Coletivas e bienais

Com participacão em todo o Brasil e No exterior entre elas

1987 – First Art Exposition – Brazil – Holland - World Trade Center – Amsterdan

1990 – Bienal Internacional de Gravura da Espanha – Orense

1990 – La Jovem Estampa – Casa das Americas – Havana – Cuba

1992 – Bienal Internacional de Gravura da Espanha – Orense

1994 – Imagens Indomaveis – Escola de Artes Visuais do Parque Lage – Rio de janeiro – Brasil 1995 – Mostra Sutian-Duloren Museu Nacional de Belas Artes – Rio de janeiro Brasil ( curadoria Jean Paul Gautier)

1998 – Entre a escultura e o objeto – Museu de Arte Contemporenea de Niteroi – Rio de janeiro (curadoria Luiz Camillo Osorio)

1990 – Os Noventas Paco Imperial rio de janeiro (curadoria Anna Maria Niemeyer e Lauro Cavalcanti)

2001 – Un Art Populaire Fondation Cartier pour un L‘Art Contemporain – Paris – Franca 2002 – 6 Anos do MAC Colecao Joao Satamini Museu de Arte Contemporanea de niteroi – Rio de janeiro

2004 – Novas Aquisicoes 2000 – 2004 Coleçao Gilberto Chateaubriand Museu de Arte Moderna do Rio – Rio de janeiro

2005 – Terrtoire en transit Centro International d’Art Contempoain de Carros, Franca 2005 – Arte Brasileira Hoje – Colecao Gilberto Chateaubriand – Museu de Arte moderna do Rio de Janeiro

2006 - Bandeiras do Brasil – Galeria Marcoantonio Vilaca – Bruxelas – Belgica (curadoria Martha Miklaus)

2006 – Copa Cultural – Casa da Cultura - Berlim – Alemanha (curadoria Feleipe Taborda) 2007 – Aquisicoes 2006 – 2007 Colecao Gilberto Chateaubriand – Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro ( curadoria Fernando Cocchiarale)

2007 – Flag of Brazil – Galeria 32 - Londres – Inglaterra

2009 – Bandeira Brasileira – Palacio de Maldonado – Salamanca – Espanha

2009 – 7* Bienal do Mercosul – Projeto Radio-Visual – Porto Alegre ( curadoria Laura Lima) 2009 – Drape-aux du Bresil – Paris – Franca

2010 - Doacao Ester Emilio Chamma de Carlos – Museu de Arte Moderna do Rio de janeiro (curadoria Luiz Camillo Osorio)

2011 – Terra Una – Residencia Laura Lima, Joao Mode e Marcos Cardoso (curadoria Beatriz Lemos) Minas Gerais

2012 – Novas Aquisicoes 2010-2012 Colecao Gilberto Chateaubriand – Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (curadoria Luiz Camillo Osorio)

2013 – Acervo Permanente Moderno e Contemporaneo – Museu Nacional de Belas Artes – Rio de Janeiro (curadoria Monica Xexeu)

2013 – Homenagem a Anna Maria Niemeyer – Paco Imperial – Rio de Janeiro 2014 – Fronteira do Popular – Museu de Arte Moderna Rio de Janeiro (curadoria Luiz Camillo Osorio) 2015 – Artistas Cariocas – Casa das Onze Janelas – Belem – Para e no Dragoes do Mar – Fortaleza – Ceara (curadoria Marta Mestra e Camillo Osorio)

2016 – Polvorosa – Museu de Arte Moderna Rio de Janeiro ( curadoria Fernando Cocchiarale) 2016 – Parede Gentil Carioca – Galeria Gentil Carioca – Rio de janeiro

2016 – Bresil Corps et Culture – Lausanne – Suisse - Adriana Varejao Filipe Barbosa e Marcos Cardoso (curadoria Leonel Kaz)

2018 – Pintura Tipo Brasileira – Casa Franca – Brasil (curadoria Renata Geronino) 2019 – Minha Terra Tem Palmeira – Centro Cultural da Caixa - Rio e Sao Paulo

2020-21 – Feira Internacional de Arte de Sao Paulo – Galeria Arteformatto

2022 – Centro Cultural de Marica – Marica – Rio de janeiro Eu Canto porque Resisto Regina Vate Bill Lundiberg Edmilson Nunes Jarbas Lopes Marcos Cardoso (curadoria Guilherme Vegara)


Colecoes

Esther Emilo Carlos-MAM-RIO, IBEU Instituto Brasil Estados Unidos – Rio, Gilberto Chateaubriand- MAM-RIO, Joao Satamini-MAC-NITEROI-RJ, M.C.Marinho Oliveira, Museu Nacional de Belas Artes Rio, Univercidade Candido Mendes – Rio, Marcos Coimbra Minas Gerais, Museu de Arte do Para- Belem, Museu Afro-Brasil – Sao Paulo, Fondation Cartier pour l’art contemporain Paris – Franca, Herve Chandes Franca, Museu da Gravura da Espanha – Orense – Espanha, Beatriz Milhazes, Cristina Burlamarqui, Museu de Arte do Rio, Museu Dragoes do Mar – Fortaleza – Ceara, Museu das Onze Janelas – Belem – Para, Frances Reynolds Marinho, Paulo Setubol, Museu de arte moderna do Rio, Leonel Kaz, Luiz Botelho de Macedo Costa Junior


 

Roda de Samba





Bình luận


+ Confira também

destaques

Essa Semana

bottom of page