top of page

Novas Tendências


Luana Oliveira


Em 2020 nas minhas leituras para a pós-graduação me recordo de ler um artigo que apontava fatos que vieram para ficar, as tendências de mercado, e os avanços tecnológicos conforme a evolução global.

Um ano depois percebo o quanto aqueles fatores foram reforçados com a influência da pandemia e como se torna cada dia mais expressivo na rotina diária de milhares de brasileiros, me incluo na lista.


Novos espaços de trabalho surgem, a tão sonhada qualidade de vida que até pouco tempo atrás achávamos distante, hoje está bem perto.


Um cochilo na hora do almoço, um banho, ou até mesmo uma ginástica se tornou possível, hábitos alimentares, pendências bancarias que só podiam ser resolvidas presencialmente, está disponível em apenas um click. Novas formas de pagamentos e recebimentos, novos formatos de apreciar a arte, a cultura, a música, mas mesmo com tantas facilidades percebemos que corremos contra o tempo para acompanhar essa chuva de inovação e criatividade que chega rapidamente.


Para os antenados de plantão, talvez este artigo já esteja atrasado.


Mas, quero refletir com vocês meus amigos leitores, o quanto de fato desta tão sonhada vida equilibrada conseguimos realizar, somos seres adaptáveis, mas até que ponto aguentamos tantas adaptações?

As pessoas estão se reorganizando e se remodelando, reaprendendo e precisando de novas ferramentas tecnológicas para trabalhar e viver, porém, na velocidade da luz.



MPB, que delicia de música sofisticada, e brasileira. Escute na Playlist.



Filmes, áudios em modo acelerado, será possível a compreensão de forma mais reflexiva a partir da nova realidade que se instaura? A tão requerida interpretação de texto, o discernimento de informação e opinião, até que ponto será compreensivo esses avanços?


A IA (Inteligência Artificial) trará ainda grandes transformações para a humanidade e consequentemente mais comodidade, imagino que queremos sim, produtos personalizados, casas sustentáveis, robotização de tarefas e tempo para usufruir todo esse equilíbrio, mas será que teremos tempo?


Percebo que primeiro queremos um mundo mais humanizado, (e os robôs?) cuidar da sustentabilidade do planeta? Olhar para o outro e para dentro de nós?

São tantas reflexões e tendências, o mundo líquido chegou.

“Vivemos em tempos líquidos. Nada foi feito para durar”.

Está aqui entre nós o que o Sociólogo Bauman escreveu!


O nosso modelo de vida, é volátil, é líquido, nos tornamos incapazes de manter a identidade por muito tempo, o que hoje sonhamos em ser, amanhã será diferente. E como será nossas relações humanas no futuro?


Novas Tendências, não temos como fugir!



Como diz um amigo, a roda nunca para de girar.


Luana Oliveira para CRIATIVOS!


 

O quer rola na internet?



Bossa Nova


Outro Ventos, com Thiago Kobe, pela Cedro Rosa.



Marinho Boffa, na Cedro Rosa.



 

Plataforma digital permite registro, distribuição e licenciamento de músicas no mundo inteiro. Tudo online!


A Cedro Rosa , produtora e distribuidora de conteúdos, com sedes no Rio de Janeiro, New York e Tokyo criou uma plataforma digital de administração e distribuição de músicas no mundo inteiro.


Para ter acesso, como artista, empresa ou simplesmente amante de música, basta abrir um perfil, apenas com nome e e-mail.


A plataforma digital funciona em 10 idiomas e conta com mais de 3 000 mil certificadas, prontas para serem licenciadas para sincronizações diversas em filmes, novelas, audiovisuais, games e publicidades.



Abra um perfil na Cedro Rosa e acompanhe nossas redes digitais. https://linktr.ee/cedrorosa


Compositores, bandas e artistas podem registrar suas musicas e fazer contratos de distribuição e licenciamento e empresas da midia como TVs, Radios, produtoras de cinema e conteudo em geral podem licenciar essas obras devidamente certificadas diretamente na plataforma.





+ Confira também

destaques

Essa Semana

bottom of page