Dois de Dezembro: Salve Ary Barroso. Viva Marquinhos de Oswaldo Cruz


Lais Amaral Jr


Num bate papo há uns pares de anos com um simpático casal de Resende, Carlos Menandro e Márcia Maretti, passei por uma suprema crise de inveja, ao ouvir deles, que naquele ano iriam ao ‘Trem do Samba’. Tinham sido convidados por um primo da Márcia. Eu ainda não consegui entrar nesse veículo maravilhoso que a cada dia 2 de dezembro, sai lotado da estação da Central do Brasil, com o pessoal tocando e cantado até a estação de Oswaldo Cruz. Lá se espalham em várias rodas pelo subúrbio. Para minha grata surpresa, quem é o tal primo da Márcia? Nada mais nada menos que Marquinhos de Oswaldo Cruz. De lá pra cá Carlos Menandro e Márcia repetiram algumas vezes essa viagem empolgante, cheia de ritmo e alegria.