top of page

Conto: Luzes da cidade, de Luis Pimentel.

Luís Pimentel, para CRIATIVOS CR Zine.

Charge de Amorim
Charge de Amorim


Luzes da Cidade


(Em memória de Aldir Blanc)


A florista cega pregonava suas rosas e entornava cerveja meio morna no Bar da Maria. Aldir comprou uma rosa, das vermelhas, e presentou a cozinheira.


“Para ajudar. As duas”.


Enquanto isso, Charlie Chaplin buscava um plano inclinado entre as mesas do Bar e Restaurante Capela.

Um casal se estapeava romanticamente. Ele e ela, rasgando a fantasia e queimando nas cinzas da quarta-feira.


O sátiro Mello Menezes, artista plástico e acrobata, cochilava numa esteira; o pândego e poeta Paulo Emílio da Costa Leite fazia um peixe com cebolas e azeitonas, nadando no azeite.

Charlie gritava:

"Não corta, estúpidos, não corta!"


Os garçons do Capela morriam de rir.


Um garoto com olhos de bola de gude, enganchado nos ombros de Carlitos, quebrava vidraças na Rua dos Artistas, coração da Vila Isabel, pulmão do Rio de Janeiro.

Depois se escondia no quintal de um tempo onde a lua ainda se equilibrava em caixas d'água. E o sol, bêbado e afogado naquele vale de lágrimas, era salvo pela claquete de má reputação.


Ontem saí por aí e encontrei a florista num pé sujo do subúrbio.

Contei para ela que o nosso poeta não compraria mais suas rosas. Não fez qualquer drama. Apenas pediu mais um conhaque e confessou que, na verdade, se chamava Virgínia Cherrill (Jandira da Gandaia fora invenção dele).


Fiquei esperando alguma reação dramática, pois ando mal acostumado. A florista só enxugou a lágrima discreta na manga do casaco puído e pediu que apagassem as luzes.


 

Blanquiana, uma linda homenagem a Aldir Blanc


Luis Pimentel e Luiz Flávio Alcofra compuseram uma obra-prima, em homenagem a Aldir Blanc.

Escutem a belíssima interpretação de Marcos Sacramento, em gravação demo.

Repertório Cedro Rosa.


Blanquiana, de Luiz Flavio Alcofra e Luis Pimentel, com Marcos Sacramento.



 

Luís Pimentel é jornalista, escritor e compositor. Trabalhou em diversas redações de jornais e revistas, tem livros publicados em variados gêneros (romance, contos, poesia, infanto-juvenil e música) e é autor de canções em parceria com com Paulinho do Cavaco, Sandro Dornelles, Ernesto Pires, Luiz Flávio Alcofra e Jayme Vignoli, entre outros.



Suas obras musicais tem sido gravada por grandes nomes do samba e da MPB. estão editadas na Cedro Rosa. Escute algumas destas musicas.

  • Saudade dos Meus Botequins - em parceira com Paulinho do Cavaco. Link Spotify.

  • Quando eu Vim de Lá, em parceria com Luiz Flavio Alcofra - Inedita. Link Cedro Rosa

  • Que Tiro é Esse, em parceria com Léo Russo, em gravação de Edson Cordeiro - Link Spotify

Conheça outras obras gravadas e inéditas de Luis Pimentel e seus parceiros na Cedro Rosa.


 



A partir de R$ 25.


 

Junte-se a nós.

A Cedro Rosa produtora e distribuidora de conteúdos, com sedes no Rio de Janeiro, New York e Tokyo.


Sua plataforma digital funciona em 10 idiomas no mundo inteiro e conta com mais de 3 000 mil certificadas, prontas para serem licenciadas para sincronizações diversas em filmes, novelas, audiovisuais, games e publicidades.



Abra um perfil na Cedro Rosa e acompanhe nossas redes digitais. https://linktr.ee/cedrorosa


Compositores, bandas e artistas podem registrar suas musicas e fazer contratos de distribuição e licenciamento e empresas da midia como TVs, Radios, produtoras de cinema e conteudo em geral podem licenciar essas obras devidamente certificadas diretamente na plataforma.


0 comentário

Comments


+ Confira também

destaques

Essa Semana

bottom of page